Está offline. para recarregar esta página conecte-se a uma rede.
Hoje
22º / 28º
Floresta

Escuteiros iniciaram vigilância florestal

Os escuteiros iniciaram ontem a vigilância florestal em três locais do concelho vianense. A vigilância decorre até 15 de setembro de 2021.
Floresta | 16 julho 2021

O contacto destas equipas é realizado diretamente para as Equipas de Manutenção e Exploração de Informação Florestal (EMEIF) da GNR, através de rádios SIRESP fornecidos pela Guarda Nacional Republicana.

Também os militares do Exército estão, desde 1 de julho, a vigiar a Serra de Santa Luzia. Conforme protocolo com a Câmara Municipal para a vigilância florestal, a Escola de Serviços do Exército garante a vigilância da serra, para prevenção dos incêndios florestais e dissuasão de comportamentos de risco.

O protocolo com o Exército já se realiza desde 2011 e tem sido uma ação fundamental para a prevenção dos incêndios florestais ao longo destes últimos dez anos.

Os militares estão, assim, a promover operações de vigilância, mantendo permanentemente informadas as entidades responsáveis (CODIS - Comandante Distrital de Operações de Socorro, Bombeiros Municipais de Viana do Castelo) e comunicando, de imediato, qualquer ocorrência digna de registo.

A vigilância das áreas florestais é fundamental para a prevenção de incêndios, permitindo dissuadir eventuais atos de negligência ou mesmo criminosos e detetar eventuais ocorrências. Para além dos patrulhamentos das entidades competentes, como Guarda Nacional Republicana e Polícia de Segurança Pública, a Câmara Municipal tem, assim, promovido ações complementares de vigilância florestal, quer com Militares quer com Escuteiros.

A Câmara Municipal de Viana do Castelo apela a todos os devidos cuidados como as limpezas e, em especial, o alerta dos incêndios florestais diretamente para o 117.

Resumo
Categoria
Floresta